#GloboLixo é devorada no Twitter pelo ódio que criou no Brasil

A hashtag #GloboLixo é o assunto mais comentado desta segunda-feira (9) no Twitter do Brasil.

A hashtag #GloboLixo é o assunto mais comentado desta segunda-feira (9) no Twitter do Brasil.

Coxinhas, robôs e o MBL colocaram seu exército de ódio para atacar a emissora dos Marinhos.

A Globo apanha de ultraconservadores por defender a liberdade de expressão.

A TV carioca levou ao ar neste domingo (8), no programa Fantástico, reportagem sobre recentes de ódio e intolerância no Brasil.

A #GloboLixo apanha pelo lampejo de bom-senso ao se posicionar contrariamente à censura na mostra “Queermuseu”, em Porto Alegre, e na performance com nu no MAM, em São Paulo.

O cartunista Carlos Lattuf não deixou passar batida a onda conservadora: “Perai, tão subindo a tag #GloboLixo por acharem que a emissora é “esquerdista”? Cara, o Brasil é caso clínico, definitivamente…”, tuitou.

O crítico cinematográfico Pablo Villaça também opinou sobre a hashtag: “Pois o cão hidrofóbico que a Globo ajudou a soltar fez o que cães raivosos fazem: mordeu até mesmo quem o criou. Daí a #GloboLixo.”

A maioria dos comentários anti-Globo no Twitter são de baixo calão, a exemplo desse: “Emissora lixo defendendo pedofilia, artistas vagabundos coloquem vcs seus filhos pra brincar com homem nú #GloboLixo”.

O pastor Silas Malafaia não se furtou em dizer que #Globolixo no primeiro lugar do Trending Topics do twitter significa “a revolta da sociedade contra esse sistema devasso.”

Via: Blog do Esmael